Friday, April 21, 2006


Depois de subir a vertente íngreme do Vale do Zêzere, eis que chegamos ao magnífico e quase impenetrável Vale da Candeeira - um circo glaciar, onde se formou uma língua glaciar secundária que alimentava o glaciar do Zêzere. Hoje, os campos de cervum, a água cristalina da ribeira da Candeeira, a pastorícia e a beleza do lugar, fazem atravessar todas as dificuldades para aqui chegar.

1 Comments:

Blogger Varas said...

Ora Boas. Tenho uma pergunta: como é que eu consigo chegar ao Vale da Candeeira? Conheço relativamente bem o Vale do Zezere e nunca ouvi falar desse local. Responde-me por favor para Gue_martins@hotmail.com

9:38 AM  

Post a Comment

<< Home